Anastrozol – remédio para tratamento de câncer de mama

Indicado no tratamento do câncer de mama avançado em mulheres pós-menopáusicas, o Anastrozol deve ser armazenado em temperatura abaixo de 30ºC, em local seco e protegido da luz, no seu recipiente original. Caso o seu médico interrompa o tratamento, os comprimidos devem ser descartados de modo apropriado.

Não tome os comprimidos depois de vencido o prazo de validade (impresso na embalagem externa).  É contra-indicado durante a gravidez durante a amamentação e no período pré-menopausa. Somente interrompa a medicação se essa for a orientação do seu médico.

Pode ocorrer o aparecimento de efeitos indesejáveis como: rubores, afinamento dos cabelos, secura vaginal, anorexia (perda do apetite), náusea, sonolência, diarréia, sensação de fraqueza, cefaléia e erupções cutâneas. No caso destas ou de outras reações desagradáveis, informe ao seu médico.

Antes de tomar seu medicamento, informe ao seu médico se você estiver tomando qualquer outro fármaco, incluindo os que você tenha comprado. Informe também se estiver sofrendo de alguma doença que afeta o fígado ou os rins. É improvável que os comprimidos afetem adversamente sua capacidade de dirigir um carro ou operar máquinas, contudo alguns pacientes podem sentir-se fracos ou sonolentos ocasionalmente, caso isso ocorra, peça orientação a um médico.

Se você for internado, informe a equipe médica que está tomando Anastrozol. O comprimido não deve ser mastigado: ingira-o inteiro com água. Tente tomar seu comprimido no mesmo horário todos os dias, conforme a prescrição médica. Entretanto, se deixar de tomar uma dose, não tome uma dose adicional. Apenas retorne ao tratamento habitual. Se tomar uma dose maior que a normal, entre em contato com seu médico ou procure o hospital mais próximo.

Não tome qualquer remédio sem conhecimento do seu médico, pode ser perigoso para a sua saúde e mantenha os medicamentos longe do alcance de crianças.

Comments are closed.